10 chaves para ingressar no mundo digital

A falta de entendimento das diferenças entre um meio e outro ainda é a principal barreira para a transição necessária e urgente dos meios analógicos para o ambiente digital. Porém, por mais que este devesse ser um tema resolvido, há ainda um grande número de veículos e jornalistas que nem começou a migração.

Há alguns dias, apresentei uma conferência organizada pela revista Imprensa em Salvador para a comemoração do segundo século do surgimento da primeira revista no Brasil. A pedido dos organizadores, preparei 10 novos mandamentos para a revista no mundo digital. Percebi depois que, com algumas pequenas modificações, o decálogo se aplicaria a qualquer publicação.

Transformei, então, os mandamentos em “10 chaves para ingressar no mundo digital”. Ei-las em versão resumida:

  1. Respeite e aprenda com a experiência do leitor
    O leitor é parceiro na produção e na difusão do conteúdo. Entenda a diversidade de experiências de uso, respeite-as e ajude o leitor a encontrar e compartilhar seus conteúdos. No mundo digital, o leitor é o início, o fim e o meio.
  2. Os infiéis são o seu público. Sua marca precisa de vínculos mais fortes
    A fidelidade é rara nos meios digitais. O leitor não passa pela banca. Se ele não reconhece sua marca como relevante, você o perdeu. Crie mais vínculos, valorize a participação e a opinião do leitor, crie comunidades em torno de sua marca, use os espaços em redes sociais. Persiga-o. Prenda-o. Leve-o consigo.
  3. O que você une, o leitor separa
    A ideia de edição mudou, os padrões são agora determinados pelo leitor. Deixe que ele crie seus próprios pacotes. Fracione o conteúdo. Você tem um magazine, mas vai depender da venda a granel
  4. Reveja a sua ideia de periodicidade
    O tempo é subjetivo. Não é mais o calendário que determina a publicação do conteúdo. Rompa com o fechamento. Entregue ao seu leitor, quando ele necessitar, o melhor conteúdo que tiver em mãos, independente da plataforma
  5. Liberte-se dos antigos formatos
    Use os melhores recursos disponíveis para contar uma história. Misture tudo, texto, áudio, fotos e vídeos, se isso puder ser melhor para o leitor. Não se limite aos formatos predefinidos, dê o espaço e o tempo que a informação requeira
  6. Você publica em múltiplas plataformas. Escale o que for possível escalar, eleja o que for necessário personalizar
    Busque soluções tecnológicas que permitam minimizar o efeito que a variedade de plataformas possa causar na produção. Procure escala sem esquecer as peculiaridades de cada plataforma
  7. Não se feche somente em aplicativos 
    O aplicativo é uma forte esperança de remuneração pelo conteúdo produzido. Teste as suas possibilidades, mas não deixe de apostar no browser, de experimentar e de buscar novas soluções para rentabilizar a sua atuação na internet
  8. Observe a experiência do leitor 
    Na novidade, valem mais os testes de observação e focus group do que as pesquisas
  9. Derrube todos os muros
    Os desafios impostos pelo universo digital não podem ser enfrentados isoladamente pela Redação, Publicidade ou Tecnologia. Todos precisam estar juntos na busca das melhores soluções. O mesmo vale para redações [impresso + site + tablets]
  10. Não confunda limitação com característica
    Na migração para os meios digitais leve consigo somente a sua marca e o que ela representa. Esqueça o resto e descubra o novo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *